Como lidar com as crianças e os adolescentes na quarentena

A suspensão das aulas foi uma das medidas utilizadas para minimizar a disseminação do novo coronavírus. No começo, a expectativa de que os filhos voltariam à escola em breve ajudou muitas famílias a encarar essa situação inesperada. Os dias foram passando, as aulas não retornaram. Pelo contrário, se tornaram a distância. Muitos questionamentos surgiram, entre eles “como lidar com as crianças e os adolescentes nesse novo contexto dentro de casa?”.

Existem alguns caminhos possíveis e na news de hoje o nosso foco é em um deles: a rotina. Significa a organização de tarefas, atividades diárias e momentos que, de certa forma, se repetem semanalmente. Diferente do que alguns imaginam, não é algo rígido e desmotivador.

“É fundamental preservar a harmonia e conseguimos isso por meio da rotina. Quando temos a ideia do que irá acontecer ao longo do dia, a criança fica menos ansiosa e o adolescente menos irritado. O lado bom da rotina é reduzir o estresse”, explica a psicóloga Amanda Amorim, da Clínica Espaço Construir.

Como estabelecer uma rotina na quarentena?

Segundo a especialista, em tempos de quarentena, o importante é estabelecer uma rotina de tarefas que contemple algumas áreas da vida, como: horários para se alimentar, exercitar, trabalhar, estudar, descansar e se espiritualizar. “Assim, conseguimos atingir equilíbrio e, então, sentimos bem-estar”.

Rotina sem cobranças exageradas

Não se cobre caso não consiga cumprir alguma atividade que havia programado. Estamos, todos, vivendo uma fase de novos aprendizados e muita readaptação. “Seja amoroso consigo e com quem convive. Tente pelo menos estabelecer horário para comer e dormir. São necessidades básicas importantes para manter a saúde e a produtividade de toda a família”, ressalta a psicóloga Amanda.

Confira 6 itens essenciais para incluir na rotina familiar

Neste momento, alguns comportamentos podem sinalizar ansiedade nas crianças e nos adolescentes. É importante observar excesso de fome, roer unhas, distúrbios do sono (pesadelos), dores de cabeça constantes e aumento da agressividade, por exemplo.

A rotina vai ajudar muito a reduzir situações angustiantes em casa. A psicóloga listou seis itens que podem tornar os dias mais tranquilos:

– Horários para as refeições em família, sempre que possível, e diálogo (pode ser favorecido por meio do yoga, leituras ou oração);
– Exercício físico;
– Exercício mental: estudos, leitura e jogos de raciocínio lógico;
– Horário para dormir: no mínimo 8 horas por noite;
– Lazer: filmes, jogos, bate-papo virtual com os amigos;
– Organização: proponha também um tempo para arrumação em guarda-roupa, sapatos e brinquedos, pois essa prática ajuda na organização emocional interna.

Habilidades socioemocionais são fundamentais para enfrentar os desafios do século 21

O mundo mudou e uma questão surge na educação: como atender a uma nova geração de crianças e jovens e quais são as habilidades necessárias para enfrentar os desafios do século 21. A resposta já está muito bem definida e é a aprendizagem mais flexível, abrangente e que inclui as competências socioemocionais no processo.

Aprender a controlar as emoções, a manter relações positivas, a tomar decisões de maneira comprometida e responsável os levará a trilhar um caminho mais positivo. Eles necessitam fortalecer sua capacidade de comunicação, cooperação, ao mesmo tempo perceber suas fortalezas e fraquezas.

O que leva um aluno com boas notas na escola a muitas vezes não ser tão bem sucedido na sua vida profissional e até pessoal? E o que leva muitos estudantes que não foram historicamente tão bem nas disciplinas escolares obter grande sucesso profissional e a tão desejada realização de seu projeto de vida?

“As habilidades socioemocionais mencionadas acima nos trazem muitas respostas hoje. Elas transformam a forma de o aluno aprender, promovem a autoconfiança, a autoestima e o autoconhecimento fundamentais para ser uma pessoa realizada hoje e no futuro”, explica a psicóloga Amanda Amorim, da Clínica Espaço Construir.

As escolas têm um enorme desafio pela frente para inserir essas habilidades no dia a dia dos estudantes. As famílias, ao mesmo tempo, devem estar atentas à importância desses aspectos e promover oportunidades para que os filhos percorram seus sonhos, desenvolvam a criatividade, descubram quão capazes são.

“Assim, vamos minimizar quadros de ansiedade e depressão e potencializar a qualidade de vida, a formação integral e o autoconhecimento”, ressalta Amanda.

Inspirar, construir e realizar

Estimule o comportamento empreendedor desde cedo. Como fazer isso? Permita que a criança e o adolescente descubram suas emoções, sonhos e talentos. Desenvolva habilidades socioemocionais, como colaboração, trabalho em grupo, escuta ativa, empatia e criatividade. Tudo isso é essencial para lidar com os desafios contemporâneos.

Inspire-se

Muitos pacientes e escolas pediram indicação de um espaço que trabalhe essas habilidades extraclasse. A Clínica Espaço Construiu conheceu bem de perto o trabalho desenvolvido pela MBA Kids, a primeira escola de empreendedorismo infantil no Brasil.

Quatro programas diferentes dão um foco interessante para que crianças e adolescentes desenvolvam o compromisso e a organização, a disciplina e a resiliência, a autoconfiança e a sociabilidade, a empatia e a escuta ativa, a criatividade e a imaginação.

Imagine uma sala lúdica, onde todos têm sua vez para falar, opinar. Todos descobrem que têm ideias e voz. A partir dos sete anos, a criança aprende o que é inspiração e as qualidades de ser líder e empreendedor. Descobrem sua missão, seu talento e conhecimentos que são fundamentais para gerenciar conflitos e as emoções.

“Quando falando em empreender ou em ser líder, é importante dizer que nem todos serão líderes e abrirão um negócio no futuro, mas todos os alunos aprendem a liderar suas próprias vidas em primeiro lugar. Desta forma, eles descobrem o potencial que possuem e conquistam autonomia e aprendem a gerenciar bem seu tempo”, acrescenta Maria Isabel, diretora da MBA Kids Brasil.

Saiba mais sobre os programas e a importância do empreendedorismo juvenil no www.mbakids.com.br. Pacientes da clientes possuem condições especiais!